Futuro em inglês – Aprenda 3 maneiras incrivelmente simples para falar sobre o futuro

De uma coisa podemos ter certeza: o futuro é incerto. Sabemos o que ocorreu no passado e o que está acontecendo no presente. Porém quando se trata do futuro é impossível termos certeza do que exatamente irá ocorrer. Quando falamos sobre o futuro em inglês, sempre levamos em consideração a possibilidade de aquilo acontecer.

Como falar sobre o futuro em inglês

Quando falamos sobre futuro em inglês, a primeira coisa que vem na cabeça dos brasileiros é o famoso “will”. Não que isso seja um problema (embora às vezes seja), mas é importante saber que para falar sobre o futuro em inglês consideramos o grau de certeza que temos sobre o que vai ocorrer.

A estrutura a ser usada deve ser escolhida de acordo com esse grau de certeza. Por isso, tome cuidado para não sair usando “will” em toda e qualquer situação.

3 formas para expressar suas ideias sobre futuro em inglês

Para falar sobre o futuro em inglês usamos 3 estruturas importantes:

  • going to
  • present continuous
  • will

Going to

INTENÇÕES, PLANOS

Usamos o “going to” para falar sobre as intenções que temos, coisas que planejamos fazer no futuro.

  • My brother's going to buy a new bike. (Meu irmão irá comprar uma bicicleta nova.) Essa é sua intenção, seu plano, pois juntou dinheiro para isso.
PREVISÕES (COM EVIDÊNCIAS)

Para falar sobre previsões baseadas em evidências também usamos o “going to”.

  • It's going to rain. (Vai chover.)
    As evidências aqui são as nuvens escuras que podemos ver no céu indicando que é bem provável que chova.

Present Continuous

COMPROMISSOS (NA AGENDA)

O present continuous é usado para falar sobre o futuro em inglês quando nos referimos aos compromissos que estão em nossa agenda. Aquilo que tem dia e hora marcada para acontecer.

  • We are meeting John for dinner on Friday. (Vamos jantar com o John na sexta-feira.)
    Esse evento tem dia e hora certa para acontecer, pois já reservamos o restaurante e marcamos com o John.

Dica GoLearners
Quando usamos o present continuous para falar sobre compromissos, é comum usarmos palavras que indicam quando a ação irá ocorrer no futuro, como: tonight, tomorrow, on Sunday, this afternoon, next weekend, in January.

Will

DECISÕES RÁPIDAS

Quando tomamos uma decisão no momento em que estamos conversando (algo que não foi planejado, foi decidido naquela hora) usamos o "will".

  • I’m thirsty. I will get some water. (Estou com sede. Vou pegar um pouco de água.)
    Eu não planejei pegar água. Fiquei com sede, me levantei e peguei um copo de água.
PROMESSAS

Também usamos o “will” quando prometemos algo a alguém.

  • I will pay you back next month. (Eu te pago no mês que vem.)
OFERECIMENTOS

Quando oferecemos algo, usamos o “will” para expressar nossa ideia.

  • I will help you with your bags. (Eu te ajudo com as malas.)
PREVISÕES (SEM EVIDÊNCIAS)

Para falar sobre aquelas previsões que fazemos e não temos evidência alguma que elas irão ocorrer, usamos o “will”.

  • I think it will rain. (Acho que vai chover.)
    Não há nuvem alguma no céu, mas acredito que isso vai acontecer.

Dica GoLearners
Você pode fazer contractions com o "will" assim:
will = 'LL / will not = WON'T

"Do not dwell in the past, do not dream of the future, concentrate the mind on the present moment. " - Buddha

Click to Tweet

Keep in mind

Existem outras maneiras para falar sobre o futuro em inglês, mas essas três são as mais importantes. Treine-as para falar inglês com confiança.

A estrutura em inglês que escolhemos para falar sobre o futuro expressa a maneira como enxergamos a chance daquilo acontecer. Choose them wisely!

Question: Where are you going tonight?

Para ver mais posts como esse se inscreva aqui. Mantenha seu inglês atualizado recebendo nossos posts atuais semanalmente.

Compartilhe esse post com seus amigos que estão aprendendo ou aperfeiçoando o inglês clicando nas redes sociais abaixo.

Não se esqueça de curtir a nossa página no Facebook. Ajude-nos a continuar trazendo conteúdo relevante e de qualidade!

Leave a Reply 0 comments