fbpx

Saúde Bilíngue | Situações emergenciais

Você pode imaginar que sua saúde é algo tão distante que só vai precisar dela lá na frente, quando estiver bem mais velho, mas experimente perdê-la para ver. Isso também acontece com o inglês, deixamos para a última hora e quando vamos ver... boom... tarde demais. Inglês e saúde, uma combinação que poderá lhe trazer inúmeras contribuições e, talvez, até mesmo salvar sua vida.

Nesse post você terá a possibilidade de conhecer algumas contribuições dessa dupla, onde falar inglês poderá ser essencial.

Vida ou morte

Sua mãe is feeling bad (está passando mal). Ela não consegue nem falar e começa a dar sinais de que vai pass out (desmaiar). De repente ela cai na sua frente e você percebe que seu heart (coração) parou. Bate aquele desespero e vem na sua mind (cabeça) o que fazer nessa hora? Não há ninguém por perto nesse momento e cada segundo pode ser o diferencial to save her (para salvá-la). E para piorar, seu celular está quase sem bateria para ligar para a emergency (emergência) e suas mãos começam a suar e a tremer. Sua breathing (respiração) fica ofegante com essa situação e seu coração parece que vai sair pela boca. Suas pupils (pupilas) dilatam e seu pensamento fica muito acelerado, quase fora de controle.

Mas, por sorte, onde você está tem um defribillator (desfibrilador) com as instruções em inglês. O que você faz? Vê-la morrer por não saber o idioma universal ou vai lá e salva sua vida?

Já pensou se isso acontece com você? We never know.

Ficar doente

Um dia você acorda com o pé esquerdo, pain (dor) em tudo quanto é parte do corpo, a cabeça parece que vai cair, e ao olhar para as coisas, tudo está rodando. Somado a isso, seu stomach (estômago) não está legal, tem a impressão que vai jogar tudo para fora. Decide então ir ao médico para saber what is wrong with you (o que há de errado com você). Já na porta do hospital, você encontra uma fila enorme para fazer a ficha e dar os primeiros passos para sua medical check (consulta).

A recepcionista te faz um monte de perguntas, checa se seu convênio está em dia e já te posiciona para as próximas etapas. Você pega sua senha e fica ali aguardando ser chamado. Após um período, você percebe que é a sua vez e chega ao doctor's room (consultório médico). O specialist (especialista) te examina e te fala que realmente you are not good (você não está bem), que precisará tomar uns remédios um pouco fortes e fazer exames antes de retornar. Mas ainda não fala exatamente o que você tem, apenas diz que vai esperar os exames para confirmar seu caso e já marca seu retorno.

Você sai do hospital e vai comprar os remédios. Na sua casa você começa a pensar sobre sua situação, e fica curioso para entendê-la. Começa a ler sobre o assunto e decide olhar a drug leaflet (bula do remédio). Percebe que terá que fazer uma pesquisa para entendê-la melhor, os benefits (benefícios), os side effects (efeitos colaterais) e as demais informações. De repente nota que está tudo em outro idioma, e aí? Descobre que está tudo em inglês, que é o idioma mais usado no mundo.

Vale lembrar que as maiores informações científicas na área de saúde estão publicadas no idioma universal, que é o inglês. Think it over.

Entender e ser entendido

Você está fora do país e começou a sentir que alguma coisa não estava certa, sensações estranhas e clara noção de que seu body (corpo) não está em seu melhor estado. Descobre então que está sick (doente) e que a cada minuto sua situação está piorando. Para melhorar, você vai até o banheiro, joga uma água no rosto e depois deita um pouco na cama. Mas mesmo assim você não melhora e decide procurar medical care (ajuda médica).

Chegando no hospital (hospital), o que você vai falar para o doctor (médico)? Como vai explicar sua situação? Como descrever os symptoms (sintomas)? E se você for allergic (alérgico) a algum medicine (medicamento)? Seu health insurance (plano de saúde) dá cobertura internacional? Como vai compreender os hospital procedures (procedimentos hospitalares)? Como vai entender os medical tests (exames), caso seja necessário? E como será a sua comunicação nesse meio tempo? Pois, só você sabe exatamente o que you are feeling (está sentindo) e quando começou tudo isso.

Talvez sua vida possa depender de sua comunicação. So always speak English.

Acima são apenas alguns exemplos nos quais sua saúde e sua vida podem depender diretamente da sua comunicação em inglês. O que você fará para não correr mais esse risco? Aprender inglês pode ser, não apenas útil, mas também indispensavelmente saudável.

Question 1: Hoje o seu inglês te coloca em risco de morte ou salva sua vida?

Para ver mais posts como esse se inscreva aqui. Mantenha seu inglês atualizado recebendo nossos posts atuais semanalmente.

Compartilhe esse post com seus amigos que estão aprendendo ou aperfeiçoando o inglês clicando nas redes sociais abaixo.

Não se esqueça de curtir a nossa página no Facebook. Ajude-nos a continuar trazendo conteúdo relevante e de qualidade!

About the Author

Personal Trainer Especialista em Longevidade. Escritor. Palestrante. Professor. Membro da Sociedade Brasileira de Personal Trainers. Membro da World Top Trainers Certification. Colunista da Revista O Mílite. Colunista da Revista Santíssima Virgem. Convidado do Programa Família Consagrada.

Leave a Reply 0 comments

close

Guia Prático Present Perfect!

Depois de muitos pedidos  e dúvidas sobre o tema, decidimos criar um guia prático sobre o tempo verbal Present Perfect.